Araguaína

Via Norte segue com mais de cinco frentes de serviço em vários pontos da cidade

Os serviços da maior obra de engenharia urbana do Tocantins, a Voa Norte, seguem acelerados. Mesmo com as chuvas deste período do ano, os trabalhos para a construção da avenida não param e estão em cinco trechos da cidade.

Entre as frentes de serviço em andamento estão os trabalhos de implantação da bacia de detenção da água da chuva e alça de acesso que farão a interligação com o trecho 2 da Via, localizada na região da Avenida Castelo Branco, e a instalação de aduelas para a canalização dos córregos Neblina e Canindé.

“O período de chuvas restringe as possibilidades de novas frentes de serviço, mas nosso objetivo é concluir ainda este ano a bacia e canalização do Neblina que iniciamos na região da avenida Cônego João Lima até a rua Ademar Vicente Ferreira, no Centro”, explicou o gerente de supervisão e acompanhamento de obras do Projeto de Saneamento Integrado Águas de Araguaína, Cid Forghieri.

Para a construção da bacia de detenção, as paredes laterais do córrego estão recebendo revestimento de pedra e extravasor controlado. Esse trabalho é responsável pelo controle da vazão da água no canal do córrego, evitando assoreamentos, alagamentos e outros problemas no período chuvoso.

Já foram concluídos até o momento os serviços da concretagem da rampa e execução do colchão reno na bacia de detenção.

Interdição de ruas 
Com o avanço das obras da Via Norte, foi necessário mudar a rota de trânsito em ruas onde as frentes de serviço estão atuando, garantindo assim maior segurança a motoristas e pedestres que trafegam pela região.

Estão interditadas totalmente as ruas Araguaia e 21 de abril de acesso à Avenida Neief Murad, e na rua 25 de dezembro no centro a interdição é no período de 7 horas da manhã ás 18 horas. “A orientação é de que seja respeitada a sinalização nos trechos interditados e que o motorista redobre a atenção buscando rotas alternativas”, concluiu o gerente de supervisão de obras.

Projeto Águas de Araguaína 
As obras da Via Norte fazem parte do Projeto de Saneamento Integrado Águas de Araguaína e foram iniciadas em julho deste ano, com a implantação do primeiro trecho da avenida, que ficará entre a avenida Cônego João Lima, no Centro, e o Parque Cimba, beneficiando diretamente os bairros Neblina, Jardim Goiás, Brasil e Cimba.

Após a avenida Castelo Branco, a 2ª etapa começará na interligação com a rua Dois de Julho e avenida Amazonas, no setor Araguaína Sul, tendo aproximadamente 2,6 km, seguindo por mais 5,2 km até a avenida Palmas, no setor Costa Esmeralda.

Somando os dois trechos, a via terá 9 quilômetros de extensão, que cruzará diretamente 14 bairros para desafogar o trânsito entre o Centro e os bairros, conectando o final da Avenida Marginal Neblina até a BR-153.

Além da macro e microdrenagem dos córregos Neblina, Canindé e outros, o projeto prevê também a implantação dos parques Nascentes do Neblina, Raizal e São Miguel e obras de infraestrutura já em execução em vários setores, entre eles Morada do Sol 3, Ana Maria, Jardim Vitória e Tocantins.